UnB vai paralisar atividades na Greve Geral do dia 18 de março


Docentes decidiram pela paralisação no dia 18 de março e pela construção de uma greve geral da educação. Foto: Hugo Pereira/ADUnB

Professoras e professores da Universidade de Brasília decidiram, por unanimidade, paralisar as atividades acadêmicas durante a Greve Geral do dia 18 de março. Decisão foi votada em Assembleia Geral nesta quarta-feira (11/3), no auditório da Associação dos Docentes da UnB (ADUnB).


A categoria decidiu ainda construir uma Greve Geral da Educação, em conjunto com as demais entidades do setor e do serviço público. “Estamos dispostos a defender a categoria, nossos salários, a carreira e a educação brasileira contra os ataques do governo Bolsonaro. Saímos animados da assembleia, no sentido de construirmos juntos os rumos dessa greve”, afirmou o presidente da ADUnB, Luis Antonio Pasquetti.


Os(as) prefessores(as) estão unidos contra os cortes nos salários, o aumento na alíquota previdenciária, a PEC Emergencial - que ameaça cortar 25% dos salários dos servidores, além das medidas contra a autonomia universitária, como o programa Future-se e a Medida Provisória 914/2019, que ataca a autonomia universitária e o processo democrático ao interferir na escolha de reitores e diretores.


“Há um amadurecimento da categoria sobre a gravidade da situação, e isso se reflete na decisão, por unanimidade, da paralisação no dia 18 e na ocupação das ruas, marchar de forma unificada com todos os movimentos. Aqui na UnB tem uma unidade construiída entre o Comitê em Defesa da UnB (Sintfub, DCE e ADUnB) e para fora, com os demais movimentos”, considerou Jacques de Novion, vice-presidente do sindicato.


Antonio Gonçalves, presidente do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (ANDES-SN), apresentou o panorama de lutas no cenário nacional, em que a participação na greve do dia 18 e a construção da Greve Geral da Educação já foi confirmada por 24 Seções Sindicais, de acordo com Gonçalves.


A Assembleia teve a participação da União Nacional dos Estudantes (UNE) e do Diretório Central dos Estudantes Honestino Guimarães (DCE/UnB).

Links Úteis