Nota de apoio ao professor Marcello Lavenère

NOTA DE APOIO, FELICITAÇÕES E DESEJO DE PRONTA RECUPERAÇÃO A MARCELLO LAVENÈRE MACHADO, PROFESSOR APOSENTADO DA FACULDADE DE DIREITO DA UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA


Após completar 83 anos, no último dia 30 de janeiro, Marcello Lavenère encontra-se em recuperação das consequências da COVID-19, que contraiu em março do ano passado. Ele luta fortemente contra os efeitos da doença até hoje. Está com a esposa, que também teve a COVID-19, com os filhos e netos, em processo de recuperação.

Lavenère é professor aposentado da UnB, e seus filhos e netos estudaram na Faculdade de Direito desta Instituição. No período em que esteve na docência, sempre aliou o magistério de qualidade com a boa militância e lições sobre democracia e política.

Marcello Lavenère Machado ficou nacionalmente conhecido por ter assinado o pedido de impeachment de ex-presidente Fernando Collor de Melo, na condição de Presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), juntamente com Barbosa Lima Sobrinho, o qual estava à frente da Associação Brasileira de Imprensa (ABI). Nosso professor demonstrou coerência política e jurídica ao posicionar-se contra o impedimento da então Presidenta Dilma Rousseff, contrariando inclusive a presidência da OAB, que na época foi favorável ao impeachment.

Ele também foi presidente da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, quando buscou julgar com celeridade e equilíbrio as reparações devidas aos cidadãos perseguidos politicamente durante a ditadura empresarial-militar de 1964.

Mais recentemente, Marcello lançou um livro a respeito do massacre do Carandiru, no qual participou da apuração e elaboração de relatório na condição de presidente da OAB.


A ADUnB manifesta apoio e solidariedade aos familiares e deseja a pronta recuperação do professor aposentado da Faculdade de Direito da UnB, Marcello Lavenère Machado.



Posts recentes

Ver tudo