Nota CNTE sobre 1 ano da gestão Milton Ribeiro no MEC


A educação brasileira agoniza em meio a tanto descaso e inépcia!



Em 16 de julho de 2020 tomava posse, como Ministro da Educação, o pastor Milton Ribeiro. A tarefa em suceder Abraham Weintraub e Ricardo Vélez Rodriguez, respectivamente, num governo negacionista e genocida nunca gerou grandes expectativas na sociedade. Mas a falta de compromisso com a coisa pública e a incompetência para o exercício do cargo são marcas indeléveis de mais uma gestão de fracasso na história da educação brasileira.

Leia íntegra da nota, abaixo:

nota milton ribeiro - 16.07.21
.pdf
Download PDF • 165KB