Ministério Público diz que ato de Weintraub em universidades é contra democracia


Ocupação da reitoria por estudantes em 2018. Foto: André Gomes/Secom UnB

Nota técnica da Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão (PFDC) diz que a proposta de Bolsonaro que pretende mudar a forma de escolha de dirigentes de universidades e institutos federais viola a gestão democrática na educação.


Trata-se da medida provisória 914 que está no Congresso. Segundo os procuradores, a MP diminui a participação da sociedade civil e sua urgência impede o debate sobre o tema.


Com informações da Folha de S. Paulo

Foto: André Gomes/Secom UnB

Links Úteis