Dia Nacional de Paralisação dos/ das Servidores/as Públicos/as


Hoje, no Brasil inteiro, trabalhadores/as do serviço público estivem nas ruas para reivindicar que o governo se disponha à negociação do reajuste de 19,99% exigido por direito pela categoria.


Em Brasília, servidores de várias partes do país fizeram uma grande uma marcha percorrendo a Esplanada dos Ministérios e seguindo até o Ministério da Economia, onde enviaram mais um recado ao governo Bolsonaro: não aceitarão o reajuste por ele proposto, via imprensa, de 5%.


A ADunB, que está nessa luta desde o início, seguirá nas ruas em defesa do serviço público e da universidade pública, inclusiva e laica para todos/as.