Comitê da UnB lança manifesto pela vacinação contra a Covid-19


O Comitê UnB pela Vacinação, grupo composto por estudantes, técnicos(as), terceirizados(as) e professores(as) da Universidade de Brasília (UnB), lançou o "Manifesto pela vacinação contra a Covid-19", onde o grupo alerta para a alta taxa de ocupação de leitos na rede pública do DF e para a negligência do Estado brasileiro diante da pandemia.


O Comitê tem representação das três entidades da UnB e recebe inscrições de qualquer membro da comunidade acadêmica com disposição para trabalhar contra a desinformação e pela garantia da vacinação universal no país.


Para participar, basta se inscrever por meio do formulário disponível neste link: https://forms.gle/8b1W5LAKwNVQg61G8. As reuniões serão todas as sextas-feiras, às 11h na plataforma Zoom.


Leia o manifesto:


MANIFESTO PELA VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19


Estudantes, Professoras(es), Técnicas(os) e Terceirizadas(os) da Universidade de Brasília manifestam-se pelo direito à saúde no Brasil que se encontra gravemente ameaçado!


Não há um plano nacional ou distrital de imunização. Em um momento de grande alta do número de infecções por coronavírus, causado pela sabotagem do governo federal às políticas para conter o avanço da pandemia; e diante da falta de iniciativa do governo distrital e do governo de alguns estados para adotar as medidas necessárias, a perspectiva de imunização da população brasileira está longe de ser um fato.


No Distrito Federal, a situação é alarmante. A taxa de ocupação de leitos de UTI da rede pública passa de 60% em um momento de tendência de alta da pandemia. Além disso, o governo do Distrito Federal anunciou que não se moverá para comprar nenhuma vacina por conta própria e que aguardará o inexistente plano nacional de vacinação.


Não está garantido que o Brasil terá vacinas para toda a população ainda nesta primeira dose e menos ainda quando se sabe da necessidade de uma ampla cobertura, com duas doses, garantido o intervalo entre uma dose e outra que, pelas recomendações, é de menos de um mês.


Nesse cenário de escassez, aparecem aqueles que querem lucrar com a vacina ou furar a fila da vacinação. Precisamos lutar por uma vacina 100% pública realizada pelo SUS!


Urge a necessidade de criação de espaços de debate e de atuação que estimulem a luta pela garantia da vacinação universal imediata da população brasileira. A UnB dispõe, em todos os seus segmentos, de cientistas, lutadores e lutadoras sociais das mais diversas áreas, preparados para intervir de maneira qualificada no debate público sobre a vacinação. Essa é uma luta que precisa se espalhar mais rápido do que o vírus!


Diante da calamidade que se abate no país com 1000 óbitos diários e o comportamento irresponsável e desrespeitoso adotado pelos governos federal e local exigimos respeito ao povo brasileiro. Que os poderes executivo, legislativo e judiciário abandonem o imobilismo e assegurem a vacinação para todo o povo brasileiro!!


PELO DIREITO À SAÚDE E À VIDA DO POVO BRASILEIRO!

VACINAÇÃO PARA TODA A POPULAÇÃO JÁ!

ATIVIDADE PRESENCIAL NA UNB SOMENTE APÓS A VACINAÇÃO PARA TODOS(AS).


Brasília, 29 de janeiro de 2021


Comitê UnB pela Vacinação


Links Úteis

Assessoria de Comunicação

De 9h às 18h, de segunda à sexta-feira.

acs@adunb.org.br

(61) 98280 0418