Campanha Salarial: ações e informações


Concentraremos nesse espaço as informações que você precisa saber sobre a campanha salarial de todas as categorias do serviço público da qual a ADUnB está participando, bem como comunicaremos as mobilizações e ações pactuadas no Fonasefe, para as quais convidamos todas e todos a participar conosco, afinal, a luta é de e para todos e todas.






Apresentação para subsidiar campanha salarial Apresentação realizada pela Dra. Larissa Rodrigues, da assessoria jurídica da ADUnB, na última Assembleia Geral Ordinária, com dados derivados da nota produzida pelo DIEESE em parceria com a ADUnB para subsidiar a campanha salarial dos docentes do magistério superior por meio da análise de seus salários e da legislação que rege sua carreira.

Assista à análise completa em https://youtu.be/zAKcPkFL2i4


Análise das condições salariais da carreira do Magistério Superior Federal


Nota produzida pelo DIEESE em parceria com a ADUnB S. Sind para subsidiar a campanha salarial dos docentes do magistério superior por meio da análise de seus salários e da legislação que rege sua carreira.

Para ler na íntegra, clique no arquivo abaixo e salve-o em seu computador ou celular.

DIEESE_Análise Perdas Salarias MSF_Susbsídios CS ADUnB_2022_FINAL
.pdf
Download PDF • 1.76MB

Agenda de mobilização nacional para campanha salarial
















Dia Nacional de Mobilização


A ADUnB esteve presente, fortalecendo a luta dos trabalhadores.

Veja a cobertura fotográfica AQUI.


Perdas salariais e do poder de compra precarizam o trabalho docente no Ensino Superior


Abaixo, nota da ADUnB. Para ler, clique no arquivo e salve em seu computador ou celular.

Perdas salariais e do poder de compra precarizam o trabalho docente no Ensino Superior
.pdf
Download PDF • 515KB

Mobilização dos Servidores Públicos Federais


No último dia 18.01, no primeiro de três atos programados, trabalhadores do serviço público federal estiveram mobilizados pela recomposição salarial. A mobilização aconteceu em duas partes: a primeira, em frente ao Banco Central, pela manhã. Já na parte da tarde, a concentração foi feita em frente ao Ministério da Economia.