Ato na reitoria da UnB defenderá nomeação de Marcia Abrahão Moura



Nesta quarta-feira (11), às 10h, o Comitê em Defesa da UnB, formado pelas entidades que compõem a universidade, promove um ato na reitoria em defesa da nomeação da reitora escolhida pela comunidade acadêmica e indicada pelo Consuni, Marcia Abrahão Moura. O presidente Jair Bolsonaro, tem até o dia 21/11 para referendar a escolha da UnB.


Com o ato, o Comitê pretende expor os ataques do governo federal contra a autonomia universitária, como a nomeação arbitrária e antidemocrática do candidato menos votado para a reitoria da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).


“Mesmo com uma liminar do STF que garante a nomeação do(a) reitor(a) eleito pelas comunidades, Bolsonaro segue nomeando para as Universidades e Institutos Federais interventores que apoiam e aceitam ser agentes do projeto de destruição da educação pública brasileira. Na UnB, estamos mobilizados e atuando para que a democracia e a autonomia sejam respeitadas”, afirma Jacques de Novion, presidente da Associação dos Docentes da UnB (ADUnB).


O ato seguirá os protocolos de segurança sanitária contra a Covid-19, respeitando o distanciamento físico de 1 metro e o uso obrigatório de máscaras de proteção.


Serviço


Evento: Ato “Nomeia Marcia Reitora”

Data: Quarta-feira (11/11)

Hora: 10h

Local: Reitoria da Universidade de Brasília


Comitê em Defesa da UnB

O Comitê é formado pela ADUnB, pelo Sindicato das Trabalhadoras e dos Trabalhadores Técnico-Administrativos em Educação das Universidades Federais do Distrito Federal (Sintfub/DF), pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE) Honestino Guimarães e pela Associação de Pós-graduando(as) Ieda Delgado (APG).


Posts recentes

Ver tudo

Links Úteis

Assessoria de Comunicação

De 9h às 18h, de segunda à sexta-feira.

acs@adunb.org.br

(61) 98280 0418