Agenda de mobilização nacional para campanha salarial


Historicamente, a ADUnB está presente nas lutas contra quem tenta prejudicar o serviço público e seus trabalhadores. Para citar exemplo recente, em 2021, esteve presente em todos os atos contra a PEC32 e demais ataques empreendidos pelo governo.


Este ano, a primeira grande batalha será a participação na agenda de mobilização nacional pelo reajuste salarial para toda a categoria e valorização da categoria docente pactuada no Fonasefe, a qual propõe que, em fevereiro, se articule diálogo com o governo e com o judiciário, reivindicando um reajuste de 19,99%, e, não havendo avanço nesse sentido, construção de uma greve de todo o serviço público para o dia 9 de março.