ADUnB na Mídia - artigo para o BdF-DF

Servidores x Governo Bolsonaro

Aprovado na Câmara dos Deputados, o Orçamento de 2022 prevê R$ 1,7 bilhão de reajuste apenas para as forças de segurança (Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Departamento Penitenciário Nacional). A se confirmar a decisão, ela transgredirá o princípio constitucional de tratamento isonômico para todos os servidores públicos.


Diversas categorias já se articulam para aprovar um calendário de mobilizações preparatórias, se preciso, à paralisação nacional. Leia artigo na íntegra AQUI.


° Foto: Dep. Hugo Leal (PSD - RJ), relator-geral do Orçamento. Reprodução Câmara dos Deputados